Novas Noticias
Novas Noticias
Novas Noticias

Falta de energia elétrica em Castelo Novo prejudica o fornecimento de água a Itabuna

 


A interrupção no fornecimento de energia elétrica domingo, dia 3, por mais de 12 horas, na Estação de Captação de Água, em Castelo Novo, distrito de Ilhéus, pela Neoenergia Coelba comprometeu todo o sistema de abastecimento de água da Empresa Municipal de Águas e Saneamento (EMASA) para a população de Itabuna.

Com a previsão da onda de forte calor e a falta de chuvas nos próximos meses, a EMASA voltou a captar água em Castelo Novo. Além disso, vem ampliando a captação no Rio Cachoeira, através da estação de Nova Ferradas, que recebe água por gravidade da Barragem do Rio Colônia.

“Com a falta de energia em Castelo Novo, fomos obrigados a parar toda a produção de água na Estação de Tratamento do São Lourenço e, consequentemente, o fornecimento de água para as localidades que estavam programadas para ontem”, disse o gerente Técnico da EMASA João Bitencourt.

“A interrupção do fornecimento de energia elétrica à captação ocorreu às 7 horas, mas somente foi restabelecido por volta das 19 horas”, afirmou. Ainda segundo João Bitencourt para cada hora de paralisação a empresa necessita de até 10 horas para ativar a produção e iniciar a distribuição.

A EMASA vem adotando medidas para evitar o racionamento de água, uma dessas iniciativas foi retomar a captação em Castelo Novo, porque o nível da água em Rio do Braço, também em Ilhéus, sofreu uma forte baixa, por causa dos impactos do fenômeno climático El Niño.

“Diante desse quadro adverso, é fundamental que a população itabunense adote medidas prudentes e responsáveis na utilização da água, evitando o desperdício, fazendo uso consciente e o reuso quando possível”, recomendou João Bitencourt.

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem